Conversinha Fashion » MinasTrendPreview
04 maio 2010
Transparências

Brincar com transparência velada é receita de sensualidade fácil para toda e qualquer estação. Não que isso seja lá uma grande novidade nas passarelas e nas ruas, mas a forma com que a marca Graça Ottoni (GO) brincou com o truque durante o MTP fez gerar vontade de investir pesado em camisas, tops e vestidos de seda, sobrepondo não apenas tecidos mas também estampas delicadas ou recortes de cores que se complementam ao se integrar ao corpo.

É uma simples questão de mostrar sem revelar, instigar sem expor mais do que se deseja. A transparência possui a grande vantagem de poder manipular muito bem pequenas imperfeições da pele ou mesmo discretas gordurinhas que podem meramente desaparecer em pontos estratégicos. Um braço um pouco mais cheinho, por exemplo, ganha leveza ao ser coberto por uma camisa de tecido fino e claro que por baixo leva uma regata delicada que protege o corpo da nudez.

Para o bom funcionamento vale lembrar, sempre, de utilizar uma peça mais justa por baixo da peça superior, evitando agregar peso visual a silhueta. E não pense na limitação da transparência para peças superiores… em vestidos ou saias, trabalhados com a sobreposição, o jogo fica ainda mais interessante e elaborado – complicado e curioso como toda boa mulher tende a gostar.

As imagens são do Flirck do evento.

  • %
03 maio 2010
A continuação do exagero

Quem espera um pouco mais de simplicidade para o futuro nada distante pode esquecer e continuar investindo em acessórios grandes, marcantes e dramáticos para a próxima estação. Se agora no inverno os colares agigantados foram os grandes atrativos no verão o tamanho extra grande aparecerá também nos braços.

Imagens do desfile coletivo (Kaleidoscope) com styling de Felipe Veloso.

Trata-se de uma boa dica para quem anda com medo de se jogar em tal tipo de complemento… com receio da tendência ser mera passageira – o que já foi descartado. Mas vale lembrar que como em toda temporada de calor as cores serão mais abertas, vibrantes e chocantes – quentes ao extremo, fugindo do preto total que reina agora em meio a tachas, rebites e ombros marcados.

Imagens do desfile de Claudia Maresguia.

E a atenção ficará, mesmo, por conta dos braceletes e pulseiras grandes usadas em sucessão, enfeitando braços plenamente expostos. Nos materiais mais diversos, do metal à madeira, muitas opções e alternativas que brincam com aplicações e interferências… com grande chance de texturas. Nada será simplório no verão e isso já é algo para se ter certeza.

Leia mais

01 maio 2010
Um gabinete de curiosidades

Não há muito o que dizer sobre o desfile da Mary Design no Minas Trend Preview. O impacto fica por conta das imagens e dos mínimos detalhes. Uma pena não poder mostrar mais do que fotos, registros estáticos de um desfile que foi perfeitamente complementado pelo vídeo apresentado no painel de fundo e pela trilha sonora que muito contribuiu para a inserção do público ao grande gabinete de curiosidades.

Na sobreposição, nos volumes e na repetição exagerada o impacto necessário para uma passarela. Tudo tão repleto de informação que apenas um olhar mais profundo para perceber a delicadeza já conhecida das peças mínimas em metal. A falsa fragilidade, a vontade de ver de perto e tocar.

São peças para serem misturadas a um contexto moderno, ou mesmo trabalhadas em uma base neutra – assim como proposto pelo stylist. Coisas para namorar, namorar com os olhos e vestir a alma.

As fotos de backstage são do flirck do evento.