05 março 2012
Quando o virtual é bom

Com a internet nos aproximamos de quem admiramos e temos a chance de dar nosso recado

Nem só de complicações, medo ou ansiedade é feita a vida virtual. Essa, aliás, possui grandes e boas surpresas, vantagens de um universo que aproxima pessoas e elimina distâncias. As mesmas redes sociais que geram um certo receio quanto ao que é exposto podem ser utilizadas como forma de ligar pessoas de interesses iguais e que assim podem trocar informações e, com isso, crescer.

A internet pode e deve ser usada de forma positiva, a partir do momento em que abre um leque de conexões. Através delas conseguimos chances que, pelas dificuldades naturais da vida, são facilitadas pela possibilidade de um clique. Podemos nos aproximar de pessoas que admiramos, que são referência para nosso crescimento profissional e, com isso, abrimos portas que se bem aproveitadas nunca mais se fecham. São mil as possibilidades. Mais do que isso podemos mostrar nossas qualidades e, usando a rede de forma esperta, marcamos nosso território (em solo real).

Não há nada que existe apenas para o bem ou para o mal. Tudo guarda possibilidades, variações e, com isso, nuances que devem ser seguidas para que possamos tirar máximo proveito do que queremos fazer. De toda forma, não há como fingir. Em tempos virtuais, o impossível não existe mais.

  • %
Deixe um comentário em "Quando o virtual é bom"

Comentário Fechados.