Conversinha Fashion » Arquivos » Bloco de cor, ainda?!
31 agosto 2011
Bloco de cor, ainda?!

Blocos de cor fora do contexto da tendência e inseridos como hábito, no uso diário. Cores como parte e não como exceção.

Lá quando o color blocking que já começa a cansar começava a aparecer ele era apresentado junto a tons neutros e cores claras, quase que como preparando nossos olhares, e nossa coragem, para um pouco de ousadia. Depois, já com a mistura em puros de blocos de cor, aprendemos e descobrimos que nem só de neutros deve ser feito um guarda-roupa e que as cores chapadas, em grandes peças, também são úteis no contexto geral.

Acontece que essa mistura de cores vibrantes com neutros pode e deve ser incorporada a vida de sempre, principalmente como forma de valorizar certas partes da silhueta. Pode-se pensar em manipular sobreposições na porção dos neutros e/ou jogar a cor mais forte na porção do corpo que deseja ressaltar. Já falamos sobre isso, por aqui, tantas vezes… e sabemos que funciona. Ainda assim, referência nunca é demais.

Agora, as construções de looks parecem fazer caminho contrário, principalmente na aplicação de tons de bege e marrom por vezes dominante. Aí, entram os pontos de cor em acessórios ou elementos menores que chamam grande atenção para detalhes. Por fim, super legal pensar nessa ideia alegre até mesmo em um universo super sexy como é do da marca Dsquared².  

Deixe um comentário em "Bloco de cor, ainda?!"
  1. Luciana Pereira
    31/08/2011

    Até hoje não me arrisquei no color blocking (hahahaha medrosa,ne? rs), mas dos pontos de cor eu sempre gostei e abusei! bjos

  2. Amanda Medeiros
    13/09/2011

    Lú, vale tentar antes que a moda desapareça. Mas… quer saber? Acho que sempre é tempo. rs Experimente começar com tons menos contrastantes, menos exagerados. Aos poucos o leve “bloqueio” passa. rs Bjs!