Conversinha Fashion » Arquivos » Mais que um vôo da fantasia…
22 maio 2011
Mais que um vôo da fantasia…

Para aqueles que esquecem de sua importância, de seu valor ou posição no mundo, a lembrança de que nem todo fim de linha é o fim para a tentativa. Para aqueles que, por insegurança ou fragilidade, insistem em não observar os dois lados da moeda, esquecendo do quão amplo é o universo, a dica de que não há lógica em levar em consideração apenas a opinião uma pessoa isolada – são tantos os que erram em seus julgamentos. Cada um, cada qual, contribui diariamente para o engrandecimento do mundo, o que faz com que o desinteresse de alguém possa ser rapidamente substituído pela atenção e interesse de outro – por vezes, um presente da vida! Sem a ideia de domínio total de todas as vontades, ou pelo conceito de agradar a todos, a mera consciência de que vai sempre haver alguém mais dedicado, mais disposto e mais aberto a lhe fazer feliz.

Claro que essa procura não deve ser eterna, alimentada pelo constante anseio de perfeição. Imperfeições se completam, se ajudam. O fim de uma reta deve ser encarado como uma curva, como uma bifurcação que muda direções a partir da escolha. E essa escolha, caso infeliz, pode ser alterada a qualquer momento já que somos nós os grandes responsáveis pelos percursos de nossas vida. Não há motivo para abrir mão dessa liberdade. Reconhecer defeitos próprios é muito válido, mas é imensamente maior o valor de colocar em voga qualidades que são potencializadas pelas companhias certas – por pessoas que sabem reconhecer a sorte de ter alguém, assim como você, por perto. Dizer não, tchau, adeus, apesar de dífícil, encurta tanto possíveis sofrimentos…

O trecho de texto é de Zygmunt Bauman em Amor Líquido.

  • %
Deixe um comentário em "Mais que um vôo da fantasia…"

Comentário Fechados.