Conversinha Fashion » Arquivos » A Camisa Perfeita
24 março 2010
A Camisa Perfeita

Toda mulher precisa de uma boa camisa no guarda-roupa, mas ela não deve ser necessariamente branca, de mangas longas e corte acinturado – clássica e limpa. Já sabemos que os clássicos ou básicos de cada guarda-roupa dependem das necessidades de quem usa e essas peças devem servir como base para um leque amplo de composições. Enfim, um determinado tipo de camisa sempre lhe será útil, mas há de se buscar aquela que esteja adequada a sua silhueta e as suas necessidades.

Uma boa camisa deve ser curinga no guarda-roupa, servindo para compor diversos looks – combinada não apenas a calças, mas também a saias, shorts, bermudas ou mesmo na sobreposição com vestidos. Aplicações, punhos trabalhados, texturas ou nervuras entram como forma de expor um pouco mais do seu estilo, sem aquela de uniformizar por completo todos os visuais.

Mas se é difícil encontrar uma camisa perfeita para sua silhueta e gosto vale apostar nas feitas sob medida, que garantem que suas expectativas serão supridas. O cuidado deve estar em observar se a peça é realmente bem feita, pois defeitos na modelagem podem deformar (e muito) o corpo. No mais é escolher tecido, detalhes, corte, aviamentos e pronto.

As camisas que ilustram o post são da Lehnen.

Deixe um comentário em "A Camisa Perfeita"
  1. Marina
    24/03/2010

    Reinou Amanda excelente assunto e muito pertinente. So fiquei triste pq nao vende online

  2. Viviane
    25/03/2010

    Pois é. Taí uma coisa bem chatinha. No meu caso, mesmo no tamanho adequado, as camisas sobram um pouco nos ombros e são compridas demais. É uma pena, porque normalmente as lojas não ajustam esse tipo de peça.

  3. Amanda Medeiros
    26/03/2010

    Vivi, no caso o melhor seriam mesmo as camisas sob medida, viu… Vou dar uma pesquisada e ver se encontro algum lugar bacana por ai que faz tal tipo de serviço.

  4. Amanda Medeiros
    26/03/2010

    Sob medida online dona Marina é querer um pouco demais, hein?! Nem funciona.

  5. Viviane
    26/03/2010

    Seria ótimo: infelizmente não conheço ninguém! Obrigada desde já.