Conversinha Fashion » Arquivos » Arrumada, mas não precisa de tanto.
08 novembro 2009
Arrumada, mas não precisa de tanto.

Walpaper

Sabe aqueles momentos que pedem por looks arrumados, elegantes, mas nem tanto?! Você precisa carregar um visual bacana, mas não chique?! Pense nos cocktail dresses – escolha perfeita para estar bem vestida… mas não se prenda aos modelos bem característicos, marcados na cintura e com bojo estruturado, enquanto tanta coisa bacana aparece por ai.

Sucesso já nas últimas temporadas os vestidos na altura dos joelhos, corte impecável em tecido ótimo e refinado ganharam seu espaço por serem simples de usar e perfeitos para encantar. Combinados a acessórios bacanas conseguem produzir os mais variados visuais – desde os mais finos aos despojados. São femininos e dispensam a seriedade do longo, que por muitas vezes é até óbvio demais.

O único tipo de evento que pede por looongo, impreterivelmente, é o ‘black tie’. No mais, siga seus desejos.

Lilly_1

Vestidos da Lilly Sarti, super femininos e refinados.

Existem inúmeras formas e interpretações para o cocktail dress, desde os mais limpos aos trabalhados; aplicações surgem, assim como detalhes inusitados e volumes localizados. É claro que atualmente as grifes não se prendem ao modelos clássico dos anos 20, bem Audrey Hepburn (pense em Givenchy), e isso é ótimo pois amplia a gama de ideias para nós consumidoras.

Nos complementos pense em saltos fechados, sandálias abertas ou mesmo sapatilhas que reforçam o clima despojado do visual. Veja que quanto mais metalizado ou bordado você aplicar nos acessórios mais ‘rico’ e menos casual fica sua imagem… e isso nem sempre é bom ou condizente com a ocasião; as vezes tudo o que precisamos é de algo mais leve e limpo mesmo.

Lilly_2

Nos cocktail dresses é importante pensar numa modelagem que favoreça sua silhueta. Para as mulheres que querem disfarçar volumes é importante apostar nos modelos mais secos, trabalhando com complementos ousados; já para quem busca efeito contrário é possível aplicar volumes estratégicos capazes de desenhar um corpo com formas que lhe satisfaçam. Nos tecidos estruturados, de modelagem igualmente armada, está uma boa saída para ganhar curvas; nos cortes abaulados, com efeito blusê, um truque simples para disfarçar gordurinhas. O comprimento perfeito fica a cargo do ambiente e do seu gosto pessoal (quanto de coxa você quer/pode mostrar?!).

Mas então você me pergunta… quais são esses eventos que merecem tal tipo de vestido?! Vai depender e isso é bem difícil de apontar. De aniversários à casamentos, passando por formaturas, confraternizações e batizados. Tudo depende da cor e, repito, dos acessórios que levam seu look onde você quiser (e precisar). É um tipo de ‘pretinho básico’ muito mais amigos e divertido… e, venhamos e convenhamos, muito menos chato.

Este post foi ideia da Vivi, cliente querida que queria saber mais sobre os cocktail dresses. E eu já falei no Modices sobre o assunto… vale muito conferir.

Deixe um comentário em "Arrumada, mas não precisa de tanto."
  1. KIKA
    08/11/2009

    QUE HORROR A CALCINHA PRETA APARECENDO POR BAIXO DO VESTIDO LARANJA-TRANSPARENTE.
    ALIÁS, CALCINHA PRETA, OU DE QUALQUER OUTRA COR, APARECENDO POR BAIXO DE VESTIDO É UÓ.

  2. Amanda Medeiros
    08/11/2009

    Olha que eu nem tinha reparado… é um horror mesmo!

  3. Katia Albuquerque
    08/11/2009

    Acho que é por aí que eu tenho que ir pensando sobre um casamento em março do ano que vem. Vai ser num domingo, às 11 horas da manhã. Será na Igreja, seguido de um almoço numa casa de festa. Estou certa? Tenho que optar por um cocktail dress?

  4. Amanda Medeiros
    08/11/2009

    Katia, com certeza você está certa… um cocktail dress será perfeito afinal uma celebração durante o dia, por mais chique que seja, não pede nada longo ou brilhante demais.

  5. milena
    08/11/2009

    Gente, não me diga que é das 11 ao meio dia? É casamento ou missa de 7 dia? Descobri que esse horário é de missa do sétimo dia quando me disseram pra procurar um profissinal nesse horário no bloco D. Espero que não seja o casado…

    :)

  6. Bruna Tavares
    09/11/2009

    Meninaaa, fikei taum feliz com seus coments lah no meu bloguito!
    Mais feliz ainda pq pude conhecer o seu…e to total in love…colokei na barra de favoritos(e soh tenho 5 blogs nessa barra…rs)
    Amey…vou me cadastrar na news djá!
    E estarei aqui everyday!assim como no modices…q jah sou fã!
    *Minha maior frustação eh não morar no Rio…qria morar no Rio soh pra trabalhar no modices e ir na praia todo dia…rs

    Beijosss flor

  7. Viviane
    09/11/2009

    Adorei as dicas, sobretudo a de pensar em formas diferentes pro modelo aquele mais tradicional! Obrigada.

  8. Cristiele Fankhauser
    10/11/2009

    oi querida, cheguei sem querer ao seu site e adorei….as dicas..e tudo mais…amei mesmo… parabens pelo seu trabalho….

  9. Amanda Medeiros
    11/11/2009

    Cristiele, que bom que você gostou… volte sempre! Será um prazer! Sugestões de post são sempre bem aceitas… então sinta-se a vontade pra palpitar =)

  10. Amanda Medeiros
    11/11/2009

    Bruna, eu também queria trabalhar no Modices! Adoro aquilo ali e acho a Carla uma super fofa profissional e focada. =)
    E ai, seu blog tá todo dia na minha ‘ronda diária’ e fico toda animada quando vejo post novo.